• Grey Instagram Ícone
  • Grey Facebook Ícone
  • Cinza ícone do YouTube

VOZES PERIFÉRICAS NA LITERATURA - BAURU

No intuito de repercutir nossa diversidade literária e ampliar o acesso aos meios de produção de livros na cidade de Bauru, a Editora Mireveja criou o projeto Vozes Periféricas na Literatura, que lança em agosto de 2022 o livro Palavras de concreto Armado, uma coletânea de contos, crônicas e poesia de 20 de escritores e escritoras da periferia bauruense, além de 6 artistas visuais, cujas obras que vão compor o projeto gráfico da obra. O projeto é uma realização da Editora Mireveja, do Instituto Indisce através do Programa de Estímulo à Cultura do Município de Bauru (PEC).

Vozes Periféricas na Literatura tem o objetivo fazer com que mais autores e autoras da periferia publiquem seus textos em livro físico e com a chancela de uma editora. Com isso, o projeto transpõe barreiras no mercado editorial, ainda hoje dominado por autores que, em geral, apresentam um mesmo perfil: são homens brancos, heterossexuais e pertencentes às camadas socioeconômicas mais privilegiadas.

A ideia do projeto é representar a multiplicidade da escrita, incluindo textos de autores e autoras experientes e iniciantes.

CONHEÇA OS INTEGRANTES DA COLETÂNEA

   

Conto, crônica e poesia

Agnes Analua

Amanda Helena Gimeno de Souza

Anália Souza

Ariane Souza

Diogo Cardoso (D. Gordão)

Dom Black

Estrofe MC

Gabriel Lagrotta

Guilherme Afonso Ramiro da Silva

Igor Fernandes

Jessica Bayo

Kahena Bizzotto

Karol Lombardi

Lôly

Paulo Boasorte

Poexistindo Marginal

Rafael Prado

Renato Bueno

Tetê Oliveira

Wander Florêncio

 

Artes visuais 

Daiana Terra – SubVersiva

Everaldo Luiz

Gael Gramaccio

Mari Monteiro

Sujera

Talini A. Santos

Indisce_Logotipo_Tag_Line.png
102_-_Brasão_Horizontal_-_Texto_Preto.png
304 - (preto sem fundo)Secretaria_Municipal_de_Cultura.png
Logo PEC.jpg